A Festa do Divino Espírito Santo é uma das mais importantes tradições religiosas do município de São Francisco de Goiás. Há registros da Festa do Divino e das Cavalhadas, em São Francisco, desde 1850. A encenação da luta entre Mouros e cristãos se destaca pela riqueza das cores, pelos enfeites, pelos encantos da princesa e pelas carreiras dos animais, onde cada cavaleiro leva uma lança, uma espada e uma garrucha, simbolizando as sangrentas lutas travadas nos campos de batalhas, na idade média. Durante a encenação, são disparados mais de mil tiros de festim. A tradição é tão importante que foi criado o Museu Histórico das Cavalhadas de São Francisco de Goiás.

São Francisco é uma das cidades beneficiadas pelo Caminho de Cora Coralina, oferecendo conforto e descanso aos caminhantes e ciclistas, que percorrem cerca de 300 quilômetros entre Corumbá de Goiás e a antiga capital do Estado. Entre os atrativos turísticos de São Francisco de Goiás estão a Cachoeira da Usina Velha, no Rio Pari, a Área de Preservação Ambiental Goiabeira, na Fazenda Goiabeira e as nascentes do futuro Parque Ambiental Municipal.

A história do município é marcada pela religiosidade da população. Além da tradição das Cavalhadas, com as celebrações em louvor ao Divino Espírito Santo e Nossa Senhora do Rosário, uma grande festa popular de rua, realizada no mês de Junho, seis folias percorrem as fazendas e casas da cidade, ao longo do ano: Folia de São Francisco, Folia de Santa Luzia, Folia dos Alves, Folia da Cachoeirinha e Folia do Engenho Velho, além da Folia de Reis.

Ver mais